Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 21/06/2016 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Refugiados afirmam ter visto Jesus em travessia pelo Mar Egeu

dtq-refugiados

O testemunho de Erick Schenkel diretor-executivo do Projeto Filme Jesus tem surpreendido muitas pessoas na Europa. Ele conta que sua missão está trabalhando no discipulado de um grupo de refugiados que afirma ter visto Jesus no mar Egeu.

Eles estavam em um barco com dezenas de pessoas atravessando do norte da África para a Grécia. O vento forte e as altas ondas ameaçavam virar a embarcação cheia de imigrantes, que fugiam do Oriente Médio.

Os refugiados ficaram com medo e desesperados, pois sabiam que muitos já tinham morrido na tentativa de fazer essa travessia. “As pessoas do barco começaram a clamar a Deus em voz alta. De repente uma ‘figura divina brilhante’ apareceu para eles”, relata Schenkel. “O barco inteiro sabia que era Jesus”, insiste, acrescentando que os refugiados o ouviram dar um comando e as águas se acalmaram imediatamente, salvando suas vidas.

“A partir desse ponto o mar ficou calmo e tranquilo e eles chegaram em segurança em terra”, ressalta Schenkel. Semanas depois, os refugiados foram atendidos por cristãos que, ouvindo o relato, começaram a fazer grupos de discipulado e de estudo bíblico. O responsável pelas aulas é um ex-jihadista, que também teve uma forte experiência de conversão a Cristo.

Para o líder do Projeto Filme Jesus, o fato surpreendente reproduz o que foi registrado nos Evangelhos quando o Messias acalmou uma tempestade no Mar da Galileia (Mateus 8: 25-27). Embora não tenha dado mais detalhes sobre quem eram os refugiados, Schenkel insiste que havia um propósito no ocorrido, pois todos que viveram esta experiência queriam se tornar seguidores de Jesus.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: Gospel Prime e The Christian Post

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *