Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 15/08/2014 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Para ter ‘última palavra’ mulher atropela e mata marido

nancy-Adams-County-jail

Uma mulher do Colorado, nos Estados Unidos, foi presa nesta semana acusada de ter atropelado e matado seu marido durante uma briga. Aós a prisão, ela disse à polícia que precisava ter a última palavra na discussão.

Nancy Jo Arias, de 38 anos, foi indiciada por assassinato na morte de seu marido, Phillip Lobato, também de 38 anos. O crime aconteceu na última segunda-feira (11) no estacionamento de uma loja de bebidas no subúrbio de Denver, segundo o jornal “New York Daily News”.

Segundo a polícia, os dois discutiam sobre uma suposta infidelidade do marido quando ele a atingiu com três socos. A ação aconteceu dentro do carro. O homem saiu do veículo, mas continuou agredindo a mulher.

Nancy então ameaçou atingir o marido com o carro. Phillip a provocou, dizendo que ela não seria capaz. Foi quando a mulher ligou o carro e avançou contra o homem, que foi atropelado. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu em um hospital local.

Segundo as autoridades, Nancy admitiu o crime aos policiais que atenderam a ocorrência. “Vocês devem me levar agora. Eu o atropelei”, teria dito a mulher.

Mais tarde, em um interrogatório, ela disse aos policiais que cometeu o crime “no calor do momento”. “Sou uma daquelas pessoas que precisa ter a última palavra”, informou a emissora de TV ABC 7.

Nancy segue presa na cadeia do condado de Adams.

Deixe seu comentário no Comerj.

Fonte: G1

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *