Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 31/08/2015 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Nova lei nos Emirados Árabes pode ajudar cristãos perseguidos

cristaos

Os Emirados Árabes Unidos (EAU) emitiu uma lei para combater o extremismo e a intolerância religiosa. Segundo relatório da agência americana de notícias, Associated Press, a lei destina-se a proibir a discriminação em razão da “religião, casta, credo, doutrina, cor ou origem étnica”. Além disso, a lei também criminaliza qualquer ação que incentiva o ódio religioso ou qualquer insulto à religião, e apela para punir aqueles que rotulam outros grupos religiosos como infiéis ou incrédulos.

Ashagrie, analista da organização Portas Abertas, explica: “O crescimento do extremismo está levantando enormes desafios para os países do mundo muçulmano. Isto acontece particularmente nos países de maioria sunita, onde o Estado Islâmico é autodeclarado. A fim de combater o problema, esses países têm introduzido novos regimes jurídicos e políticos”.

De um modo geral, esta é uma boa notícia para os cristãos, já que eles são as principais vítimas do extremismo religioso. “No entanto, é muito importante não misturar a intenção do governo e a sua implementação. Esses países estão emitindo leis, não por uma questão de proteger as minorias, mas sim para defender o poder e o interesse de seu governo”, diz Ashagrie.

Pedidos de oração

O ministério Portas Abertas pede a todos os cristãos que fazem orações pelos seguintes motivos:

– Para que essa nova lei de combate à intolerância religiosa seja colocada em prática e ajude os cristãos;

– Para que o governo se torne mais flexível e sensível às minorias verdadeiramente;

– Continue intercedendo pelos nossos irmãos no Emirado Árabes. Que a luz de Cristo esteja cada dia mais viva em seus corações.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: Portas Abertas

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *