Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 14/02/2017 em Gospel, Notícias | Nenhum comentário

Nível de violência contra cristãos é alarmante no Egito

Em 2013, a Irmandade Muçulmana cumpriu várias ameaças de “eliminar o cristianismo” da nação. Agora, um novo grupo extremista, Movimento Hasm, é responsável por diversos ataques realizados nos últimos meses

O início de 2017 apresentou uma série de ataques violentos contra os cristãos egípcios. Em apenas duas semanas, cinco foram mortos no Cairo e Alexandria. Seus corpos foram encontrados com todos os objetos de valor, indicando que o motivo das mortes não teve relação alguma com roubo. Uma das vítimas, Youssef Lamei, tinha sido ameaçada por muçulmanos salafistas (membros do movimento ortodoxo ultraconservador dentro do islamismo sunita) pouco antes do ataque.

As mortes aconteceram apenas um mês após o bombardeio de dezembro, que matou 27 cristãos e deixou vários feridos. Acredita-se que os ataques foram realizados por grupos militantes islâmicos. Agora existe um novo grupo extremista conhecido como Movimento Hasm, responsável por diversos ataques realizados nos últimos meses.

“Muitos cristãos estão morrendo por causa desses grupos extremistas islâmicos, mas também há uma grande preocupação por conta das mortes de profissionais da área de segurança e de instalações militares. Parece que o Estado Islâmico e outros grupos relacionados estão mudando de estratégia para enfraquecer a segurança do país, tornando assim os cristãos ainda mais vulneráveis do que antes. Essa tendência é preocupante”, comenta e conclui um dos colaboradores da Portas Abertas. “Se não é o Senhor que vigia a cidade, será inútil a sentinela montar guarda” (Salmos 127.1b).

Pedidos de oração

Nossos irmãos egípcios estão passando por sérias dificuldades e sendo atacados constantemente. Ore a Deus para que os proteja em todo o tempo.

Peça pelas famílias dos cinco cristãos que foram mortos violentamente por grupos extremistas islâmicos. Que eles sejam consolados pelo Espírito de Deus.

Interceda pela igreja no Egito para que permaneça perseverante em sua fé e que não deixe de crescer mesmo em meio a tanta violência.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: Portas Abertas

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *