Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 11/04/2016 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

‘Não acerto todas’, diz Sergio Moro em palestra no exterior

dtq-sergio-moroo

O juiz federal Sergio Moro deu uma palestra para estudantes na noite da última sexta-feira (8), em Chicago, nos Estados Unidos. No evento que durou uma hora e meia, Moro falou sobre a Lava Jato, reconheceu que também erra em suas decisões e demonstrou incômodo com a fama repentina adquirida com a operação.

Diante de 300 estudantes na Universidade de Chicago, o juiz disse que busca não pensar no impacto político de suas sentenças. “O juiz profere sua decisão com base nas leis, nas provas, nos fatos”, afirmou. Se a decisão tem um impacto político, Moro disse que é porque são julgados crimes praticados por políticos: “É importante não confundir Justiça com política”.

O juiz reconheceu que também comete erros, mas ressaltou que sempre busca se basear na lei. “Vamos ser claros, eu também não acerto todas, mas sempre decido como um juiz deve definir, com a pretensão de estar decidindo conforme as leis.”

Questionando por um dos participantes sobre a fama repentina, que fez a revista Fortune o colocar como o 13º líder mais influente do mundo, Moro disse que se sente incomodado. “Acho que existe foco equivocado na minha pessoa, que não acho muito positivo. Há uma certa personificação”, afirmou, destacando que é um juiz de primeira instância e que as investigações da Lava Jato envolvem a Polícia Federal e o Ministério Público.

Moro afirmou que a grande questão que se coloca neste momento é se a Lava Jato vai levar a ganhos institucionais duradouros ou não. “Isso não depende dos juízes, não depende dos políticos, depende dos eleitores”, afirmou.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: Veja

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *