Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 14/01/2016 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Ministério Público processa Record por incitação a violência

Record

O Ministério Público de São Paulo entrou em contato com Record para exigindo uma retratação por parte da emissora após a transmissão de uma reportagem do noticiário Cidade Alerta’.

No dia 23 de junho de 2015, o jornalístico levou ao ar uma matéria com perseguição policial. Durante a veiculação, Marcelo Rezende fez comentários, que, para o MP, eram impróprios para o horário.

Segundo informações da coluna Zapping, do jornal ‘Agora S. Paulo’, o apresentador tratava os suspeitos como culpados e incentivava as autoridades para que atirassem nos homens.

Em resposta, a emissora afirmou que não tinha como escolher imagens próprias para a faixa e tão pouco prever o fim da ação policial.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: Agora S. Paulo

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *