Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 01/04/2013 em Brasil e Mundo, Notícias | 1 comentários

Marco Feliciano enfrenta nova rodada de pressões para sair

marco-feliciano_-Alexandra-Martins_AgCâmaraO deputado federal e pastor Marco Feliciano (PSC-SP), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minosiras (CDHM) da Câmara, enfrenta nesta segunda-feira (1º) uma nova rodada de pressões para renunciar ao posto. O presidente da Câmara de Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), prometeu na semana passada reunir os líderes partidários em uma reunião com Feliciano para pedir que ele deixe o cargo. O argumento é que desde a chegada de Feliciano à presidência do colegiado, a comissão não consegue funcionar, já que os trabalhos são frequentemente interrompidos por manifestações contrárias ao parlamentar.

Porém, em diversas entrevistas, Feliciano já deixou claro que não sairá. O partido do congressista defende sua permanência, apesar dos seguidos protesto. A bancada justificou a permanência de Feliciano com base em um histórico da aliança com o PT, que agora pressiona pela saída do pastor do cargo. Os dirigentes do PSC argumentaram que já apoiaram o PT em diversas eleições, incluindo a presidente Dilma Rousseff, em 2010.

Deixe o seu comentário.

Fonte: Veja

1 comentário

  1. É isso aí Pr.Feliciano:
    Não ceda. Mantenha-se firme.
    Se a Comissão não consegue funcionar em face de manifestações diversas o problema não é seu e sim daqueles que tem “´poder de polícia” para coibir.
    Fraternalmente em JC

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *