Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 19/08/2013 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Israel deve apoiar exército egípcio contra muçulmanos, diz jornal

Bandeiras

Fonte disse que exército poderá ‘colocar o país em marcha’

Israel considera que deve apoiar o exército egípcio em seu confronto com a Irmandade Muçulmana, afirmou uma autoridade do governo citada pelo jornal ‘Jerusalem Post’.

“Devemos apoiar o exército egípcio para permitir que coloque o país em marcha”, afirmou a fonte, que não foi identificada.

A imprensa israelense destaca que o primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, ordenou aos membros de seu governo e aos porta-vozes oficiais que não façam declarações públicas sobre os acontecimentos no Egito e não pronunciem críticas sobre a política americana para o país.

Segundo a fonte citada pelo ‘Jerusalem Post’, “não se deve retirar nada (dos militares), nem prejudicá-los ou ameaçá-los”, em referência ao cancelamento do governo dos Estados Unidos de manobras militares conjuntas com o Egito como forma de protesto contra a repressão do exército egípcio.

Também existe a possibilidade de um eventual congelamento da ajuda americana anual de 1,5 bilhão de dólares ao Egito, sendo 1,3 bilhão apenas para o exército.

O ‘Jerusalem Post’ completa que as autoridades israelenses destacam em suas mensagens a Washington e aos principais países europeus que é preciso atuar para que o Egito não afunde.

“A prioridade atualmente não é a democracia e sim a necessidade de que o Estado funcione. Uma vez que o Egito entre nos trilhos, poderemos falar de uma reativação do processo democrático”, afirmou a fonte.

“Se descartarmos este fator (o exército), o Egito tomará o caminho da Síria, Tunísia e Líbia. Se isto agrada ou não, ninguém pode incomodar o Egito agora”, disse.

Leia também: Cristãos sofrem represálias após massacre contra muçulmanos

Fonte: G1

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *