Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 06/01/2014 em Gospel, Notícias | Nenhum comentário

Fotos: mulher sai de carro após capotamento, ajoelha e agradece a Deus

acidentevaldomirolopes-Arquivo-pessoal

‘Quando abri os olhos, pensei: graças a Deus estou viva’, diz vítima

Uma colisão entre dois veículos, uma F-1000 e um Polo, terminou com uma cena inusitada na tarde desta sexta-feira (4), na Rua Valdomiro Lopes, em Rio Branco. Após escapar ilesa do acidente em que seu carro capotou, a vítima saiu do veículo, colocou um véu, se ajoelhou e começou a orar. O condutor da F-1000 fugiu do local, segundo a Polícia Militar.

Jandira Maria Bandeira, tem 39 anos e é diretora da Unidade Penitenciária de Rio Branco. Ao G1 ela contou que no momento em que saiu do carro e viu sua bolsa, lembrou imediatamente de agradecer a Deus. “Eu fiquei apenas com um arranhão no braço, nem posso dizer que é um corte. Enquanto meu carro deu perda total. A primeira vez que o carro rodou, fechei os olhos e quando ele parou de rodar, abri os olhos lentamente e pensei: ‘graças a Deus estou viva’. Foi quando o rapaz trouxe minha bolsa e lembrei do véu e agradeci”, diz.

Momento em que Jandira saiu de carro após capotamento

A funcionária pública faz parte da Congregação Cristã no Brasil, mais conhecida como a Igreja do Véu, onde todas as mulheres usam véu durante os cultos. “Eu só podia agradecer a Deus por tudo”, ressalta.

Hedislandes Gadelha, que estava no local no momento do ocorrido, disse que a cena chamou a atenção de quem passava. “Ela saiu do carro, não falou nada com ninguém, tirou o véu, e fez a oração dela. Depois sentou e veio falar com a gente”, relata.

De acordo com o 4º Batalhão da Polícia Militar, a F-1000 invadiu a pista fazendo com que a condutora do Polo batesse na lateral do veículo, perdesse o controle e capotasse na via.

Duas motos que estavam estacionadas na rua também foram atingidas na colisão.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: G1

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *