Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 23/07/2014 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Ex-Polegar Rafael Ilha é preso por tráfico internacional de armas

rafael-ilha

Ele foi preso na fronteira entre Paraguai e Brasil, com uma arma calibre 12, munição e uma arma de choque

Rafael Ilha, ex-integrante do grupo Polegar, que foi sucesso entre os anos 1980 e 1990, será indiciado por tráfico internacional de armas, confirmou nesta terça-feira (22) a Polícia Federal em Foz do Iguaçu. O cantor e uma mulher, cujo nome não foi divulgado, foram presos na tarde de segunda-feira na fronteira entre Paraguai e Brasil, com uma arma calibre 12, munição do mesmo calibre e uma arma de choque.

Segundo a polícia, a prisão aconteceu na alfândega da Ponte Internacional da Amizade, que liga o Brasil ao Paraguai. Agentes federais e servidores da Receita abordaram uma mulher de 31 anos que acabara de descer de um mototáxi, carregando em sacolas o material que seria apreendido. Ilha, que estava em outro mototáxi, chegou em seguida e se apresentou como proprietário da arma. Foi dada a voz de prisão em flagrante, e os dois foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal.

Ilha está preso na Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu, e a mulher foi encaminhada à cadeia pública da cidade. Eles podem pegar de quatro a oito anos de prisão, caso sejam condenados.

Rafael Ilha tem longo histórico de confusões com a polícia por causa de seu vício em crack e cocaína. O cantor foi preso pela primeira vez em 1998 por tentativa de roubo e detido no ano seguinte por dirigir na contramão. Em 2005, foi preso com uma arma calibre 380. Atualmente, Ilha trabalha como repórter do programa A Tarde É Sua, da RedeTV!, comandado pela apresentadora Sonia Abrão.

Deixe seu comentário no Comerj.

Fonte: Veja

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *