Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 09/05/2016 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Decisão da Câmara chega ao Senado e Renan decidirá rumos do impeachment

dtq-Renan-Antonio-Cruz-Agência-Brasil

O secretário-geral da Mesa do Senado, Luiz Fernando de Mello, informou que já chegou ao Senado a decisão do presidente em exercício da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), de anular as sessões em que os deputados federais decidiram pela continuidade do processo de impeachment de Dilma Rousseff.

Segundo Mello, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), ainda está em trânsito para Brasília. Caberá a Renan decidir sobre o caso.

Com a aprovação do relatório do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) na Comissão Especial do Impeachment, na última sexta-feira (6), a previsão é que o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), faça a leitura do resultado ao plenário nesta segunda-feira (9), a partir das 14h. Com a decisão de Waldir Maranhão, ainda não se sabe se a leitura ocorrerá hoje.

Mas se a leitura acontecer, será um indicativo de que o processo continua no Senado.

Com a leitura, começa a contar o prazo de 48 horas para que a votação do parecer pela admissibilidade do processo seja marcada no plenário. A ideia é que os senadores votem a admissibilidade na quarta-feira (11). Se for aceita, a presidente Dilma Rousseff é afastada imediatamente do cargo por 180 dias.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: R7

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *