Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 05/05/2014 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Construção de ‘macumbódromo’ no Rio volta a ser discutida

macumba

Apesar da suspensão do projeto de construção do ‘macumbódromo’ de R$ 1 milhão na cidade do Rio de Janeiro, a ideia está sendo trazida a tona pelo novo secretário do Ambiente, Carlos Portinho, que assumiu a pasta recentemente. Ele ainda afirmou que quer implantar o projeto em outros municípios do Estado.

Segundo matéria publicada no ‘Globo’ desta segunda-feira (5), o Espaço Sagrado, como será chamado, ficará numa área de dez mil metros quadrados, que pertence ao Parque Nacional da Tijuca. Pela proposta, haverá locais específicos para oferendas e uma sinalização indicará os recantos dos orixás.

Apesar da polêmica, o novo secretário Carlos Portinho garante que o Espaço Sagrado sairá do papel, apesar do projeto executivo não estar pronto, nem ter orçamento previsto.

Evangélico, Antônio Carlos Costa, que trabalha no Rio de Paz, teme que a criação de um espaço público para uma religião abra um precedente para outras crenças. “O Estado é laico e acho que não deve privilegiar nenhuma religião. Nesse sentido, uma decisão como essa vai ferir os cidadãos que processam sua fé de outra forma. É claro que as pessoas devem prestar seu culto livremente, mas acho essa atitude do governo de ceder um espaço público para outra religião pouco democrática”.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: O Globo

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *