Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 16/10/2013 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Autor de novela da Globo deve aumentar núcleo evangélico

Gina

Gina deve se converter após apelos da mãe para não se envolver amorosamente com Hebert e a Igreja Evangélica será um refúgio para a moça

De agora em diante os evangélicos terão destaque como nunca antes na história da teledramaturgia da Rede Globo. Walcyr Carrasco, que tem boa parte de sua família evangélica, sempre quis tratar do tema, e escolheu a novela “Amor à Vida” para falar sobre a religião. Desde o início, o autor deixou bem claro que o tema seria explorado sem piada, inclusive, a direção da novela já foi avisada sobre isso.

O autor, que já afirmou que sua única tia viva é da Assembleia de Deus, que seu tio foi pastor na Igreja Presbiteriana, e seu primo, missionário na África, inicialmente converteria a personagem Valdirene, porém, afirmou que não tinha a menor ideia se prosseguiria nessa trama. O sucesso da personagem mudou o rumo da história. Mas a história não terminou assim.

Com a indecisão sobre o futuro de Valdirene, outra personagem da trama se converterá: Gina. Depois de descobrir o envolvimento de Hebert com a sua mãe no passado, a personagem quase entrará em depressão, porém, passará a frequentar os cultos de uma Igreja Evangélica que será inaugurada, após a mãe dela falar sobre seu passado com Hebert, que pedirá a personagem em casamento.

Fonte: Gospel Prime

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *