Menu Páginas
TwitterFacebook

COMERJ - Conselho dos Ministros do Estado do Rio de Janeiro

Menu Categorias

Publicado por no dia 07/04/2016 em Brasil e Mundo, Notícias | Nenhum comentário

Após ataque do EI na Síria, 250 pessoas estão desaparecidas

dtq-estado-islamico

Quase 250 funcionários de uma fábrica de cimento estão desaparecidos desde segunda-feira (4) e as autoridades temem que tenham sido sequestrados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI) em Dmeir, 40 km ao nordeste de Damasco.

“Perdemos o contato com 250 trabalhadores da fábrica de cimento Badia na segunda-feira e não sabemos onde estão”, afirmou um diretor da empresa à AFP. Os parentes dos funcionários temem um sequestro do EI.

A ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), afirmou que “o contato foi perdido com dezenas de funcionários após um ataque do EI contra a fábrica e há fortes suspeitas de que foram sequestrados pelo EI e levados a um local desconhecido”.

Uma fonte das forças de segurança afirmou que os jihadistas não conseguiram esta semana assumir o controle do aeroporto militar e da central de energia elétrica de Teshrin, em uma ofensiva contra Dmeir, controlada em grande parte pelos rebeldes sírios.

Deixe o seu comentário no Comerj.

Fonte: G1

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *